Frio intenso impacta lavouras de trigo no Sul do país

17/07/2017 18:13:16

Atualizado:

25/07/2017 13:58:52

A intensa massa de ar polar que começou a ingressar no Sul do Brasil no último domingo, 16/7, irá derrubar as temperaturas a patamares negativos ou próximos de 0°C a partir da madrugada de terça-feira, 18/7, e se prolongará pelos próximos dias. A expectativa é de que ocorram geadas em toda a região. Segundo o agrometeorologista Marco Antonio dos Santos, da Rural Clima, o frio intenso vai atingir Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e sul do Mato Grosso do Sul, impactando principalmente as lavouras de trigo.

Este frio só não afetará a cana-de-açúcar e o café porque há previsão de retorno das chuvas a partir desta terça-feira (18/7) no leste e sul de São Paulo e no sul de Minas Gerais. “Com o tempo mais nublado e a linha de estabilidade sobre essas regiões, o risco de ter geada é mínimo”, diz o consultor. “Se não fossem as chuvas, as temperaturas também seriam ser negativas nessas localidades nos próximos dias”.

De acordo com Santos, apenas no sul do Mato Grosso do Sul a cana-de-açúcar vai trazer problemas. “Nos municípios de Dourados, Ponta Porã, Naviraí, Rio Brilhante, Maracaju, e toda essa região que tem cana, as temperaturas ficarão próximas a 0°C”, disse. Pode nevar nas regiões serranas de Santa Catarina e ter chuva congelada no sul do Paraná. Curitiba também deve ter frio intenso.

Segundo Santos, a previsão é de que ocorram mais duas ondas de frio de grande intensidade ainda neste ano no Brasil, além desta: uma no fim de julho e outra em meados de agosto.

LEIA MAIS

NOTÍCIAS

Vários temas são fundamentais para a manutenção da produtividade agrícola. Entre eles, o manejo de pragas, doenças e daninhas e a eficiência de produtos. O Portal Syngenta prepara, constantemente, conteúdos jornalísticos realizados a partir de fontes de informação como engenheiros agrônomos e produtores rurais. Veja ao lado uma seleção dessas reportagens. Boa navegação!