Lagarta-do-trigo: ataques à folha-bandeira e à espiga

27/07/2017 15:36:34

Atualizado:

21/08/2017 16:56:57

A cultura do trigo, quando não monitorada e manejada de forma eficiente, pode ser afetada por diferentes pragas, as quais têm considerável potencial destrutivo da lavoura. Entre esses insetos, um dos principais é a lagarta-do-trigo.

“Essa praga ataca a folha-bandeira (a última da planta) e a espiga, causando perdas substanciais de produtividade”, afirma Leandro Valerim, da Syngenta.

Para o controle dessa lagarta, o portfólio Syngenta conta com o inseticida Ampligo, que tem também registro para utilização em outras culturas, como soja, algodão, cana-de-açúcar, trigo e tomate, nas quais controla diferentes pragas.

Solução integrada

Para elevar a produtividade de trigo a altos patamares, a Syngenta conta com a solução Trigold, que engloba tecnologia (proteção de cultivos, híbridos e tratamento de sementes), serviços (tecnologia de aplicação, assistência técnica e agricultura de precisão) e relacionamento (melhor uso de ferramentas técnicas e manejo). A solução tem capacidade de promover a produção de mais de 100 sacas de trigo por hectare.

Trigold proporciona também o controle adequado de pragas, doenças e plantas daninhas durante todo o ciclo do cultivo.

LEIA MAIS

NOTÍCIAS

Vários temas são fundamentais para a manutenção da produtividade agrícola. Entre eles, o manejo de pragas, doenças e daninhas e a eficiência de produtos. O Portal Syngenta prepara, constantemente, conteúdos jornalísticos realizados a partir de fontes de informação como engenheiros agrônomos e produtores rurais. Veja ao lado uma seleção dessas reportagens. Boa navegação!