Fabiano Siqueri: 'Ferrugem é uma sócia indesejável do sojicultor'

31/05/2017 18:53:51

Atualizado:

18/08/2017 12:00:02

A cultura da soja pode ser atacada por diferentes doenças. A mais preocupante delas é a ferrugem asiática. Tendo como objetivo o controle adequado de fungos, a Syngenta promove o Manejo Consciente - Programa para o Manejo Correto de Doenças. São estratégias que visam evitar a possível redução na sensibilidade dos fungos aos defensivos.

"Toda medida de manejo de doenças na cultura da soja tem de ser associada a outra. A ferrugem é imprevisível, rápida na adaptação, dinâmica e traiçoeira. É uma sócia indesejável do sojicultor: quando ela chega, uma parcela do negócio ela vai levar. Há diferentes ações que podem ser tomadas para enfrentar a doença, entre elas o controle preventivo e o monitoramento efetivo", afirma Fabiano Siqueri, pesquisador da Fundação MT.

"Se não protegermos as atuais tecnologias, em breve não teremos mais opção para o manejo de doenças na cultura da soja, já que não surgirão novos modos de ação até meados da próxima década. Por isso, precisamos mudar as formas de manejo, que hoje vem sendo feito exclusivamente com fungicidas, os quais nem sempre são posicionados da maneira correta. Ciente disso, a Syngenta, em parceria com as principais instituições de pesquisa do país, desenvolveu o Manejo Consciente, que tem como principal objetivo orientar o agricultor a adotar boas práticas de manejo e, assim, aumentar a longevidade dos produtos e garantir o futuro da soja no Brasil", diz Rafael Oliveira, gerente de produtos fungicidas da Syngenta.

LEIA MAIS

NOTÍCIAS

Vários temas são fundamentais para a manutenção da produtividade agrícola. Entre eles, o manejo de pragas, doenças e daninhas e a eficiência de produtos. O Portal Syngenta prepara, constantemente, conteúdos jornalísticos realizados a partir de fontes de informação como engenheiros agrônomos e produtores rurais. Veja ao lado uma seleção dessas reportagens. Boa navegação!