A melhor produtividade na cafeicultura sustentável

11/07/2017 16:35:50

Atualizado:

17/08/2017 15:55:04

O Brasil é o maior produtor de café do mundo. Foram 49,64 milhões de sacas em 2016, segundo informações do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento. Depois do Brasil, vêm Vietnã e Colômbia, com cerca de 28 e 14 milhões de sacas, respectivamente.

De acordo com dados da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), a média brasileira de produtividade é de 24 sacas/ha.

Com a solução integrada Nucoffee, baseada em oferta agronômica, serviço e reconhecimento, o produtor Marcelo Barbosa Araújo (foto) atingiu uma produtividade muito maior: 163 sacas/ha.

Entre o fim de junho e o início de julho, ele esteve na confraternização do programa PIN (Produtividade Integrada) 2017, em um resort na Ilha de Comandatuba, na Bahia, que reuniu 200 agricultores e acompanhantes. 

O grupo foi homenageado pela produtividade (sempre superior na comparação com a média nacional) obtida nas safras de café, soja, milho, milho silagem e trigo. Dos 200 produtores, 22 foram especialmente lembrados por resultados muito significativos em sete categorias: Nucoffee (café), Sillus (milho silagem), GranoTop (milho), PIN Milho, PIN Soja, Integrare Soja e Trigold (trigo).

Na categoria Nucoffee, solução da Syngenta que foca em evolução e compromisso com a sustentabilidade, os três vencedores são:

1º) Marcelo Barbosa Araújo; consultor Bruno Forsan
163 sacas/ha

2º) Laércio Antonio Crippa
129 sacas/ha

3º) Sidney Vanço
126 sacas/ha

LEIA MAIS

NOTÍCIAS

Vários temas são fundamentais para a manutenção da produtividade agrícola. Entre eles, o manejo de pragas, doenças e daninhas e a eficiência de produtos. O Portal Syngenta prepara, constantemente, conteúdos jornalísticos realizados a partir de fontes de informação como engenheiros agrônomos e produtores rurais. Veja ao lado uma seleção dessas reportagens. Boa navegação!