Fique por dentro das novas tecnologias no controle de pragas, divulgadas no 27º Congresso Brasileiro de Entomologia

Evento teve área exclusiva para o produtor com palestras e soluções para o controle dos principais insetos invasores no campo

25/09/2018 12:34:39

Atualizado:

05/10/2018 15:44:14

 

A Syngenta participou, de 2 a 6 de setembro, do 27º Congresso Brasileiro de Entomologia e 10º Congresso Latino-Americano de Entomologia, realizados em Gramado, no Rio Grande do Sul. O evento reuniu pesquisadores, professores, profissionais do agronegócio, consultores e estudantes para a troca de experiências sobre o tema, com um público estimado de 2 mil pessoas.

A entomologia é a especialidade da biologia que estuda os insetos sob todos os seus aspectos e relações com o homem, plantas, animais e o meio-ambiente. Entre os assuntos abordados no Congresso estavam as alternativas para o controle de pragas e aumento da produção agrícola, essenciais para quem busca a máxima produtividade no campo.

A Syngenta reuniu, em seu estande, pesquisadores e equipe técnica para realizar mini palestras sobre o manejo adequado de insetos para o público do congresso. Além de apresentar as principais pragas invasoras, os especialistas falaram sobre as mais modernas tecnologias disponíveis para o agricultor.

Foi a primeira vez que levamos mini-palestras no estande para o Congresso de Entomologia. “Um avanço significativo que a Syngenta trouxe para o evento foi somar, junto com o conhecimento acadêmico, a informação rápida e direta sobre o controle de pragas”, explica a gerente de Inseticidas e Desenvolvimento de Produtos da companhia, Giorla Moraes.

Antes, o conhecimento ao produtor ficava restrito aos congressos específicos das culturas, como soja e milho. Agora, segundo Giorla, foi possível unir acesso à pesquisa e orientações de aplicação em um único local, ações essenciais para o manejo integrado. “Essa facilidade atrai o agricultor para um evento deste tipo já que ele busca conhecimento, mas principalmente, soluções práticas para evitar perdas em produtividade”, explica.

Acesso à tecnologias

Quem visitou o estande da Syngenta recebeu informações sobre as principais pragas da lavoura, como percevejos e lagartas, que causam prejuízos no cultivo do milho, soja e outras culturas.

Entre as soluções apresentadas, pesquisadores e equipe técnica falaram sobre o Engeo Pleno S, que traz uma evolução no controle de percevejos, com a segunda geração da tecnologia Zeon. Ele tem microcápsulas que ajudam para uma liberação controlada do ingrediente ativo, fazendo com que este cubra toda superfície da planta e melhore o efeito de choque e residual.

Outra destaque foi a apresentação do Proclaim como solução para as lagartas de difícil controle, como a Helicoverpa armigera e a Chrysodeixis includens, que podem causar perdas de até 50% em produtividade.

A eficácia do Proclaim vem da rápida ação de choque e residual, que paralisa as lagartas logo nos primeiros momentos, o que bloqueia a alimentação em até quatro horas após a aplicação. Outra vantagem é a ação translaminar, que protege os dois lados da folha e garante melhor modo de ação.

Leia também:

+Pesquisadores ajudam a criar tecnologias e combater pragas, em projetos inovadores

+Pragas: controle exige cuidados que vão além do uso de inseticidas

+Webinar: pesquisador Geraldo Papa tira dúvidas sobre controle de pragas

LEIA MAIS

NOTÍCIAS

Vários temas são fundamentais para a manutenção da produtividade agrícola. Entre eles, o manejo de pragas, doenças e daninhas e a eficiência de produtos. O Portal Syngenta prepara, constantemente, conteúdos jornalísticos realizados a partir de fontes de informação como engenheiros agrônomos e produtores rurais. Veja ao lado uma seleção dessas reportagens. Boa navegação!