Produção de café deve atingir recorde de 60,5 milhões de sacas

Boa estimativa para arábica e retomada da safra de conilon justificam resultado, diz consultoria

17/04/2018 14:13:35

 

A safra brasileira de café 2018/2019, que está em fase inicial de colheita, deve atingir recorde e ficar em 60,5 milhões de sacas de 60 quilos – um aumento de 20% na produção ante o ciclo anterior. A safra 2017/2018, antes indicada em 50,45 milhões de sacas, foi revisada para 50,6 milhões de sacas. A estimativa é da Safras & Mercado. Segundo a consultoria, a bienalidade positiva para o arábica, a retomada da safra de conilon e o clima favorável no início de 2018 justificam o otimismo.

O clima seco e a temperatura acima da média no início da primavera em 2017 colocaram em xeque o potencial produtivo do arábica, mas as lavouras conseguiram se recuperar, de acordo com a Safras e Mercado. A produção total de arábica 2018/2019 foi indicada em 44,8 milhões de sacas, com aumento de 16% em comparação a 2017/18 (38,5 milhões de sacas).

No entanto, segundo a consultoria, o grande destaque positivo da temporada é o conilon, depois de uma sequência de três de anos de safras baixas pela falta de chuvas. A produção 2018/2019 de conilon foi estimada em 15,7 milhões de sacas, com aumento de 30% em relação à safra 2017/2018 (12,1 milhões de sacas).

Leia também:

+Café: troca de sacas por insumos é bom negócio para produtor

+Terceira Onda: mercado valoriza café como produto artesanal

+Broca-do-café: CNA alerta produtores sobre infestação

VEJA MAIS

VÍDEOS

Há diversos temas essenciais à produtividade agrícola, entre eles o controle de pragas, doenças e daninhas, a eficiência de produtos e o tratamento de sementes industrial. A Syngenta preparou uma série de vídeos sobre variados assuntos e também ouviu pessoas que trabalham no campo e especialistas. Veja ao lado um conjunto desses vídeos. Boa navegação!