Monitoramento e prevenção são fundamentais para controle da ferrugem na soja

O monitoramento ajuda no reconhecimento de doenças e pode dar mais efetividade no controle, evitando perdas de produtividade

26/11/2018 11:09:44

Atualizado:

27/11/2018 18:17:51

Para que a cultura da soja tenha capacidade de atingir altas produtividades, o agricultor deve estar atento a uma série de fatores. Um ponto fundamental é o monitoramento de doenças, entre elas a ferrugem asiática, que pode comprometer até 90% da lavoura. Para o controle eficaz dessa doença, além da prevenção e do monitoramento constante, se o produtor souber com antecedência se há registros sobre a presença da doença na região do seu plantio, será melhor ainda para se precaver.

Atenta ao potencial destrutivo das doenças da soja, a Syngenta desenvolveu o Gestão Agro, um aplicativo que congrega informações sobre incidência de diferentes alvos e que é um grande aliado do agricultor para o monitoramento e, posteriormente, para a tomada de decisão.

“O Gestão Agro é uma ótima ferramenta para o monitoramento dos principais alvos das culturas da soja, do milho e do café. É um levantamento realizado em todo o país e com atualização diária constante. As informações são coletadas por engenheiros agrônomos e técnicos da Syngenta, de distribuidores e de cooperativas, além de agricultores (clientes fidelizados). Desta forma, o aplicativo gera um amplo e muito eficaz mapa de monitoramento”, explica Leandro Bessa, gerente de Fungicidas da Syngenta.

Esse mapa pode ser acessado, gratuitamente, no Portal Syngenta. “Como exemplo, no Gestão Agro, na parte voltada às doenças da soja, tem a seção dedicada à ferrugem. Como o aplicativo reúne informações de incidência da doença nas regiões produtoras do país, o agricultor consegue saber se nos arredores da lavoura dele há registro da doença. Se o produtor tem a informação sobre o momento da chegada da doença na sua região, isso é fundamental para ele tomar a decisão envolvendo a realização de ações de manejo. O produtor pode, também, se cadastrar no portal e receber alertas sobre pressão de alvos na sua região”, complementa Bessa.

Veja nos vídeos abaixo os depoimentos dos pesquisadores Fabiano Siqueri e Carlos Forcelini no nos quais eles ressaltam a importância do monitoramento nos vídeos abaixo:

Pesquisador Fabiano Siqueri recomenda criar áreas de monitoramento de ferrugem na soja


Pesquisador Carlos Forcelini explica a importância das áreas de monitoramento de ferrugem na soja


Manejo da ferrugem

O gerente da Syngenta ainda explica que a melhor forma de controlar a ferrugem é agir por meio de aplicações preventivas de fungicidas. Segundo ele, para o manejo da doença, além das aplicações preventivas, é recomendado seguir principalmente outros 3 princípios:
1 – Utilizar todos os modos de ação em um programa de controle (carboxamidas, estrobilurinas, triazóis e multissítios).
2 – Respeitar as características dos produtos para sua recomendação. Por exemplo, carboxamidas são produtos preventivos devem ser utilizadas nas primeiras aplicações.
3 – Sempre utilizar parceiros para ampliar a eficácia dos controles podendo ser triazóis ou mutissítios.


Essas recomendações, entre outras, integram o Manejo Consciente - Programa para o Manejo Correto de Doenças. A iniciativa é uma parceria da Syngenta com entidades acadêmicas e pesquisadores. O programa reúne estratégias que visam a evitar a possível redução na sensibilidade dos fungos aos defensivos. Para saber mais sobre o Manejo Consciente, clique aqui.

“No portfólio da Syngenta, o fungicida Elatus reúne dois compostos complementares (carboxamida e estrobilurina), que são ideais para aplicações preventivas. Além da ferrugem, o produto também é eficaz para o controle do complexo de doenças, como por exemplo antracnose e oídio. Para o manejo das doenças, Elatus tem como principal parceiro o Cypress, que une dois triazóis e tem ação curativa que amplia a eficácia de controle de Elatus ao mesmo tempo que amplia o seu espectro de controle. Além disso, Cypress é uma excelente ferramenta  para as últimas aplicações do ciclo da soja”, afirma Bessa.

Monitoramento em outras culturas

O aplicativo Gestão Agro gera mapas de incidência de alvos por meio do monitoramento das culturas da soja (pragas, daninhas, doenças e nematoides), milho (pragas, daninhas e doenças) e café (pragas).

Na hora de cuidar da lavoura, todo auxílio é válido e bem-vindo. Sendo assim, o agricultor não deve abrir mão da tecnologia. O mapa de monitoramento alimentado pelo Gestão Agro é um grande aliado do produtor! Basta o produtor acessar o mapa e começar a usá-lo.

LEIA MAIS

NOTÍCIAS

Vários temas são fundamentais para a manutenção da produtividade agrícola. Entre eles, o manejo de pragas, doenças e daninhas e a eficiência de produtos. O Portal Syngenta prepara, constantemente, conteúdos jornalísticos realizados a partir de fontes de informação como engenheiros agrônomos e produtores rurais. Veja ao lado uma seleção dessas reportagens. Boa navegação!