Pesquisador Fabiano Siqueri recomenda criar áreas de monitoramento de ferrugem na soja

O pesquisador Fabiano Siqueri explica que as áreas de monitoramento de doenças na lavoura da soja, especialmente a ferrugem, são importantes ferramentas para o agricultor detectar a incidência de doenças com antecedência e, assim, realizar um manejo mais efetivo e com mais segurança. Essas pequenas áreas, entre 20m² e 30m², devem ser implantadas entre 15 e 20 dias antes da época de semeadura das propriedades agrícolas.

VEJA MAIS

VÍDEOS

Há diversos temas essenciais à produtividade agrícola, entre eles o controle de pragas, doenças e daninhas, a eficiência de produtos e o tratamento de sementes industrial. A Syngenta preparou uma série de vídeos sobre variados assuntos e também ouviu pessoas que trabalham no campo e especialistas. Veja ao lado um conjunto desses vídeos. Boa navegação!