Trigo: 3 práticas que não podem faltar para prevenir a ferrugem e manchas foliares

Após período de estiagem, agricultores da região sul devem dobrar a atenção com chuvas, que favorecem o surgimento de doenças

10/09/2018 14:20:57

Atualizado:

10/09/2018 14:25:04

 

A previsão de chuvas e de alta umidade na região sul ainda nesta safra, após um período de estiagem, deve beneficiar o desenvolvimento das lavouras de inverno, como o trigo, segundo o Climatempo. O produtor deve ficar atento, no entanto, ao surgimento de doenças como a ferrugem e manchas foliares.

A orientação para controlar as doenças do trigo é sempre realizar as boas práticas agrícolas, entre elas a rotação de culturas e respeitar o plantio conforme o calendário da região. A aplicação de fungicidas, feita de forma preventiva e com a combinação certa, também garante melhor eficiência.

Com o trigo já plantado, o momento da safra é de monitoramento. E o produtor deve ficar de olho na alta umidade, que pode colaborar para o surgimento da ferrugem.

Veja essas e outras tarefas essenciais que o ajudam a prevenir essas doenças:

1 –Boas práticas agrícolas

Realizar a rotação de culturas ajuda para o aumento do rendimento de grãos, além de proteger a cultura da incidência de pragas, doenças e plantas daninhas, por conta da palhada. “Neste momento da safra, quando estamos caminhando para o final do ciclo da cultura, o produtor deve ficar atento no monitoramento e no manejo adequado de doenças”, diz Bruno Almeida, gerente de fungicidas da Syngenta.

2 – Atenção ao clima e à alta umidade

A orientação é sempre monitorar o clima, principalmente o aumento de chuvas que é previsto após um longo período de estiagem na região sul. Segundo a Embrapa, o fungo necessita de, no mínimo, três horas de umidade contínua para apresentar incidência.

3– Aplicações preventivas

A aplicação preventiva e combinada de fungicidas, no início do ciclo da cultura, ajuda a prevenir a ferrugem e as manchas foliares do trigo. “A Syngenta oferece uma recomendação robusta no controle do complexo de doenças na cultura, variando modos de ação e garantindo amplo espectro e alta sistemicidade, o que ajuda o produtor no manejo de doenças”, explica Almeida.

Uma opção na aplicação preventiva para controlar doenças do trigo é o uso do Priori Xtra, no início e no final do ciclo, combinado com Elatus, nas aplicações intermediárias. “Esse efeito em conjunto, com o calendário correto de aplicações e outras boas práticas, inibe a instalação da doença e propicia o controle em todo o cultivo”, explica Almeida.

Além da combinação das duas tecnologias, o produtor tem a opção pelo uso do Tilt para o manejo das manchas foliares. “Em um cenário onde a pressão de manchas é crescente, o uso de Tilt é indispensável pois agregra no controle destas doenças tão agressivas na cultura do trigo”

Segundo orientações da Embrapa, é importante lembrar que as aplicações devem ser feitas de forma preventiva desde o início da cultura, aumentando a eficácia e respeitando os intervalos de carência pré colheita.

Características das doenças

A ferrugem da folha (Puccinia recondita  f. sp. Tritici)  é uma doença caracterizada pelo aparecimento de esporos de coloração amarelo-escura até marrom na superfície das folhas. É um dos principais problemas para o produtor que cultiva o trigo. Segundo dados da Embrapa, se não controlada, pode provocar perdas de até 50% na produtividade.

Já as manchas foliares atribuídas a doenças fúngicas existem em quatro tipos: marrom (Bipolaris sorokiniana), amarela (Drechslera tritici), da gluma (Stagonospora nodorum) e salpicada (Septoria tritici).

De acordo com a Embrapa, a mancha marrom produz lesão de centro pardo-escura e bordas arredondadas e de tamanho indefinido. A mancha amarela é similar, mas com halo amarelo. A mancha das glumas ocorre mais nas brácteas florais e nos nós das plantas. Já a mancha salpicada apresenta pontos amarelos entre as nervuras foliares, que podem ter ao longo do tempo pequenas pontuações pretas.

Leia também:

+O mapa do trigo além do sul

+Preços em alta devem estimular produção de trigo neste ano

+Trigo: o que fazer antes do plantio para ter maior produtividade

VEJA MAIS

VÍDEOS

Há diversos temas essenciais à produtividade agrícola, entre eles o controle de pragas, doenças e daninhas, a eficiência de produtos e o tratamento de sementes industrial. A Syngenta preparou uma série de vídeos sobre variados assuntos e também ouviu pessoas que trabalham no campo e especialistas. Veja ao lado um conjunto desses vídeos. Boa navegação!