Skip to main content

Helicoverpa armigera

Helicoverpa armigera, ou simplesmente helicoverpa, é uma espécie de mariposa cujas lagartas afetam fortemente as plantações e que apresenta característica polífaga

Publicado 25-03-2021 17:40:08

Linkedin Whatsapp
Helicoverpa

Sobre a helicoverpa

Helicoverpa armigera, ou simplesmente helicoverpa, é uma espécie de mariposa cujas lagartas afetam fortemente as plantações e que apresenta característica polífaga, ou seja, se alimenta de plantas pertencentes a diversas famílias. Essa lagarta de difícil controle está distribuída em toda a Ásia, sendo a praga de maior risco para o algodão, e também na Oceania, África e parte da Europa. No Brasil, a praga é temida por sua alta capacidade destrutiva, tendo apresentado riscos a mais de 50 milhões de hectares desde seu surgimento no país.

A H. armigera é uma lagarta de coloração variada. No primeiro e segundo estágio, as lagartas são pouco móveis na planta e possuem coloração que varia entre branco-amarelada e marrom-avermelhada. Com o crescimento das lagartas, as colorações ganham outros tons, como amarelo-palha e verde, apresentando também listras marrons laterais. Outra forma de identificar essa praga é verificando a existência de pontos protuberantes escuros no quarto e/ou quinto segmento da lagarta, em formato de semicírculo.

Culturas afetadas pela helicoverpa
As principais culturas atingidas pela helicoverpa armigera são a soja, o algodão e o milho, mas há incidência da praga também nas culturas de hortifrúti, café, feijão, fumo, tomate etc.

Danos causados pela helicoverpa

A helicoverpa se alimenta de diversas partes das plantas como folhas e hastes, botões florais, frutos, espigas e inflorescências. A infestação de H. armigera gera deformações, podridão e quedas de partes da planta, prejudicando o desenvolvimento e a produtividade da lavoura.

Métodos de controle da helicoverpa

Para o combate da helicoverpa, são indicados os seguintes métodos de controle:

a) aplicação de inseticidas dentro do manejo integrado de pragas;

b) controle biológico: através do parasitóide Trichogramma sp, uma vespa que irá impedir o crescimento dos ovos da helicoverpa;

c) controle genético: plantas geneticamente modificadas com a bactéria Bacillus thuringiensis, responsável por produzir uma proteína tóxica para alguns insetos.

Produtos indicados para o manejo da helicoverpa

A Syngenta conta com um portfólio de inseticidas para você alcançar o máximo potencial produtivo, protegendo a sua cultura de diversas pragas. Para o manejo da helicoverpa armigera, são indicados:

NAO TEM SEGUNDO BANNER

Quer receber mais conteúdos como esses?

Inscreva-se e fique por dentro das novidades sobre produtividade.

Canais Syngenta