Skip to main content

Milho: sementes com proteção 4 em 1 contra doenças

O ataque de patógenos na lavoura pode comprometer o desenvolvimento da cultura. Por isso, realizar o tratamento de sementes com um excelente fungicida auxilia na diminuição da transmissão de doenças, principalmente para a parte aérea.

Publicado 11-11-2021 17:00:35

Linkedin Whatsapp
Lavoura de milho

O milho é um cereal cultivado em grande parte do mundo e tem muita importância para o agronegócio nacional. Uma das inúmeras preocupações dos produtores dessa cultura é a perda de produtividade causada pelo ataque de patógenos na lavoura. Para evitar que isso ocorra, uma das estratégias adotadas para o manejo de doenças é o tratamento de sementes com fungicidas, que protege a cultura nos estádios iniciais.

A evolução das doenças do milho ao longo dos anos está relacionada, também, à mudança do sistema de produção, que trouxe mais produtividade para o campo e, ao mesmo tempo, aumentou a severidade dos danos causados por patógenos.

Entre os fatores que contribuíram para esse problema, podemos citar:

  • Expansão da fronteira agrícola;

  • Ampliação das épocas de plantio;

  • Ausência da rotação de culturas;

  • Uso de sistemas de irrigação.

Com isso, doenças como podridão-do-colmo (Fusarium moniliforme), bolor-azul, (Penicillium oxalicum), antracnose-do-colmo (Colletotrichum graminicola), podridão-de-diplodia (Stenocarpella maydis) e podridão das raízes (Pythium spp.) tornaram-se mais comuns nos estádios iniciais da lavoura, prejudicando a formação dos colmos.

Por que optar pelo Tratamento de Sementes Industrial?

Para proteger e controlar a incidência de doenças nas fases iniciais da cultura do milho, optar por um tratamento de sementes fungicida completo é a melhor ferramenta para garantir o arranque inicial das plantas, o estabelecimento de estande e o vigor logo nos primeiros estádios, o que reflete em uma maior produtividade.

No caso do TSI (Tratamento de Sementes Industrial), o produtor encontra uma técnica diferenciada no manejo preventivo que proporciona a efetiva proteção das sementes, mantendo-as longe das ameaças. As soluções contêm aditivos que maximizam a performance do tratamento e são desenvolvidas por profissionais altamente capacitados, que respeitam todas as regulamentações, o que aumenta o desempenho das sementes desde o estádio inicial até a formação das plantas.

Além disso, o TSI traz outras vantagens para o produtor, tais como:

Praticidade e segurança: o produtor adquire as sementes já tratadas e prontas para o plantio, ganhando em comodidade por não precisar realizar esse procedimento na fazenda. Assim, ele reduz uma etapa do ciclo de preparação e também a exposição de funcionários ao manuseio desses produtos.

Dose certa: o TSI é feito em maquinários modernos, nos quais o nível de precisão das doses para cada semente é elevado, proporcionando a confiabilidade que o produtor precisa em relação à qualidade do tratamento.

Qualidade das sementes: as sementeiras realizam diversos testes antes de aplicar o TSI, preservando a qualidade das sementes e garantindo que o tratamento esteja dentro dos padrões recomendados, assim como a dose do produto.

Esse conjunto de cuidados que o TSI oferece para o produtor traz a confiança de que ele está adquirindo sementes de alta procedência, que carregam um excelente potencial produtivo e livre de interferências.

Por isso, na hora de planejar o manejo de doenças do milho, a melhor escolha é optar por uma solução fungicida para o TSI, que proporcione a proteção completa da semente e traga o melhor enraizamento e germinação, com uniformidade dos colmos.

Semente de milho tratada

Tratamento de Sementes Industrial com proteção 4 em 1

Sabendo da necessidade de proteger a lavoura de milho nos estádios iniciais, o Seedcare Institute, renomado centro de pesquisa da Syngenta, desenvolveu Maxim Quattro, poderoso tratamento de sementes fungicidas para milho que oferece maior controle e proteção para a cultura. 

Maxim Quattro possui alta performance devido à combinação perfeita de quatro ativos que se complementam para a cultura:

  • Fludioxonil: tem forte ação na germinação dos esporos e na penetração de tubos germinativos;

  • Mefenoxam: potente inibidor do crescimento micelial e da esporulação, com atividade curativa;

  • Tiabendazol: tem ação sobre todas as fases que envolvem divisão celular, interrompendo o crescimento do patógeno;

  • Azoxistrobina: inibe a respiração mitocondrial dos patógenos e atua em todas as etapas do ciclo de vida do fungo, o que impede que ele se desenvolva.

Essa fórmula inovadora está disponível exclusivamente para o Tratamento de Sementes Industrial de milho e traz ainda benefícios, como:

  • Maior controle de patógenos na lavoura;

  • Menor incidência de doenças na parte aérea da cultura;

  • Proteção superior contra doenças de solos e sementes;

  • Maior sanidade dos colmos;

  • Melhor estabelecimento da cultura.

O grande lançamento fungicida da Syngenta para Tratamento de Sementes Industrial já está nas sementeiras e chegou para revolucionar o manejo de doenças desde a fase inicial da lavoura. Solicite Maxim Quattro ao seu TSI.

Você também pode contar com a robustez das soluções que integram o portfólio de produtos Syngenta para obter o máximo em produtividade na cultura do milho.

A Syngenta está ao lado do produtor rural em todos os momentos, com o objetivo de impulsionar o agronegócio brasileiro com qualidade e inovações tecnológicas.

Acesse o portal da Syngenta e acompanhe todos os artigos do Mais Agro para saber tudo o que está acontecendo no campo!

NAO TEM SEGUNDO BANNER

Conteúdos Relacionados

Quer receber mais conteúdos como esses?

Inscreva-se e fique por dentro das novidades sobre produtividade.

Canais Syngenta