Skip to main content
Inseticida Engeo Pleno S: choque e residual sem igual

Engeo Pleno S: Inseticida para percevejos da soja

Engeo Pleno S, parte do portfólio completo da Syngenta, é a melhor ferramenta para as primeiras aplicações, resultado do investimento em tecnologia e das características que diferenciam o produto dos demais oferecidos no mercado.

Posicionamento de Engeo Pleno S na cultura de soja

Conheça os benefícios de Engeo Pleno S

Notícias

Veja as principais notícias sobre o produto

Vídeos

Veja os vídeos sobre o produto

Desempenho

Desempenho Superior

Confira a superioridade do portfólio de proteção de cultivos da Syngenta quando comparado com outros produtos do mercado. Os dados são obtidos por meio de testes de eficácia que utilizam diferentes metodologias e são certificados por especialistas de respeitadas universidades e institutos de pesquisa do país.

Eficiência por efeito de contato de Engeo Pleno S
Desempenho de Engeo Pleno S. Controle de ninfas de percevejo-marrom Desempenho de Engeo Pleno S. Controle de percevejo-marrom
Desempenho de Engeo Pleno S. Controle de ninfas de percevejo-marrom
Desempenho de Engeo Pleno S. Controle de percevejo-marrom
Contaminação via tarso de percevejo-marrom
Efeitos de choque e residual de Engeo Pleno S Produtividade superior promovida por Engeo Pleno S
Efeitos de choque e residual de Engeo Pleno S
Produtividade superior promovida por Engeo Pleno S

Boas Práticas

Tão importantes quanto os bons resultados são as formas de obtê-los

A Syngenta entende que tão importantes quanto os bons resultados obtidos nas lavouras são as formas de obtê-los. Toda a atuação operacional da empresa, portanto, está alinhada e atende integralmente aos padrões internacionais de boas práticas, o que inclui as mais eficientes técnicas para a realização de amostragens, monitoramentos e aplicações dos produtos.

Realizar amostragens durante o ciclo da cultura

Amostragem

Realizar amostragens durante todo o ciclo da cultura. Avaliar a população e os danos causados pelas pragas, realizando o controle quando elas atingirem os níveis de ação (NA).

  • Nível de ação (NA): Quando o controle deve ser iniciado.
  • Nível de dano econômico: Quando o prejuízo ocorre.
Iniciar monitoramento na cultura prévia e na palhada

Monitoramento

Iniciar o monitoramento na cultura prévia e na palhada e realizar o controle, quando necessário.

Planejar a calda de aplicação

Planejamento de Calda

Planejar a calda de aplicação para reduzir o risco de deriva.

Aplicação: temperaturas amenas e boa umidade relativa do ar

Temperatura e Umidade

Aplicar com temperaturas amenas (abaixo de 30ºC) e boa umidade relativa do ar (acima de 55%).

Não aplicar com presença de orvalho

Aplicação sem orvalho

Não aplicar com presença de orvalho.

Nossos produtos

Syngenta
O portfólio mais eficaz

Para garantir uma lavoura saudável e lucrativa, a Syngenta oferece o melhor e mais completo portfólio de produtos e soluções integradas do mercado.

Videobula

Entenda em poucos minutos as recomendações para o uso correto e seguro do produto.

Bula Engeo® Pleno S

Seta

Quer receber mais conteúdos como esses?

Inscreva-se e fique por dentro das novidades sobre produtividade.

Canais Syngenta

Engeo Pleno S: Inseticida para percevejos da Soja

Chega de se preocupar com as pragas sugadoras e mastigadoras da soja! O Engeo Pleno S é eficiente contra esses insetos, principalmente no controle de percevejos, que são considerados as pragas de maior risco para a cultura da soja no Brasil, juntamente com as lagartas.

Por serem insetos sugadores, eles danificam as estruturas da planta, injetando toxinas que podem causar inúmeros problemas. Quando sugam os ramos e as hastes da soja, provocam a retenção foliar, dificultando a colheita.

Já quando se alimentam das vagens e grãos, causam o murchamento e a má formação da planta. Isso pode ocasionar desde o abortamento da semente até a redução do seu vigor e potencial germinativo, comprometendo a qualidade e a produtividade da lavoura.

Inseticida para percevejos da soja

Engeo Pleno S, com sua inovação em tecnologia de formulação, é o produto que promove o melhor controle de percevejos.

A combinação do ingrediente ativo e das microcápsulas com paredes finas e esponjosas suspensas em água resultam no poderoso efeito de choque aliado ao mais longo efeito residual do mercado. Assim, possibilita obter os melhores resultados com um menor número de aplicações.

A tecnologia zeon , presente no Engeo Pleno S, preserva o ingrediente ativo, controla a liberação e faz com que ele fique mais tempo aderido às plantas.

Benefícios de Engeo Pleno S

Engeo Pleno S é a melhor ferramenta para as primeiras aplicações. Entre os benefícios que proporciona para sua lavoura estão:

  • Inseticida sistêmico: com os princípios ativos Tiametoxam e Lambda-cialotrina, Engeo Pleno S penetra na planta e possibilita alto controle dos percevejos;
  • Amplo espectro: controle eficaz de praticamente todas as pragas sugadoras e mastigadoras da cultura de soja;
  • Efeito de choque: possui excelente controle de pragas adultas, sendo a aplicação de Engeo Pleno S superior ao de Acefato; e
  • Efeito residual: o efeito residual prolongado do produto resulta em um controle mais rápido e efetivo de ninfas e adultos.

É importante ressaltar que bons resultados dependem da qualidade do produto e de uma aplicação correta. Entre as boas práticas indicadas para que você possa atualizar as suas definições de combate aos percevejos com Engeo Pleno S estão:

  • Amostragem: realizar amostragens durante todo o ciclo da cultura e avaliar a população e os danos causados pelas pragas, realizando o controle quando elas atingirem os níveis de ação (NA);
  • Monitoramento: iniciar o monitoramento na cultura prévia e na palhada;
  • Temperatura e umidade: aplicar com temperaturas baixas (abaixo de 30ºC) e boa umidade relativa do ar (acima de 55%);
  • Planejamento da calda: planejar a calda de aplicação para reduzir o risco de deriva; e
  • Aplicação sem orvalho: não aplicar com presença de orvalho.

A Syngenta conta com um amplo portfólio de proteção de cultivos que permite que o agricultor execute adequadamente o manejo estratégico de alvos (pragas, doenças e plantas daninhas). São fungicidas inseticidas e herbicidas desenvolvidos com o propósito de promover o potencial máximo de produtividade de culturas, como a da soja.

Syngenta: extraia o máximo da sua lavoura.