Alta produtividade com a melhor biotecnologia no controle de lagartas.

Pontos Fortes

  • • Elevado potencial produtivo
  • • Precocidade com estabilidade
  • • Qualidade de grãos
  • • Elevada resposta ao manejo
  • • Ampla adaptação com
    e​stabilidade produtiva
  • • Baixo fator de reprodução de nematoides
  • • Baixa susceptibilidade a viroses (Cigarrinha)
  • • Viptera – a melhor proteção contra lagartas da folha, espiga e elasmo.
  • • Resistente a Glifosato
  • • Opções de Refúgio

Recomendações

  • • Áreas de boa fertilidade
  • • Abertura de plantio
  • • Evitar plantio de milho sobre milho
  • • Tratamento de sementes
  • • Responsivo ao uso de fungicidas
  • • Manejo de insetos sugadores

FICHA TÉCNICA

 

Características STATUS VIP3
Finalidade Grãos
Altura de Plantas (cm) 239
Inserção da Espiga (cm) 117
Textura de Grãos Duro
Cor de Grãos Alaranjado
Peso 1000 grãos 362g
Ciclo Precoce

 

 

NÍVEIS DE TOLERÂNCIA ÀS PRINCIPAIS DOENÇAS

 

Doenças Versões do híbrido
VIP3
Puccinia sorghi Moderadamente resistente
Physopella zeae Sem informação
Puccinia polissora Moderadamente resistente
Phaeosphaeria maydis Moderadamente suscetível
Enfezamento (Phyt/Spir) Sem informação
Exserohilum turcicum Moderadamente suscetível
Diplodia maydis Moderadamente suscetível
Diplodia macrospora Moderadamente suscetível
Cercospora zea-maydis Moderadamente resistente
Podridões colmo (Col/Dip/Fus) Moderadamente suscetível

NOTA: Os valores das doenças refletem dados médios de observações a campo, podendo sofrer variações em função das condições de manejo, clima e pressão das doenças.

FATOR DE REPRODUÇÃO DE NEMATOIDES

 

Nematoides FR* FR<1:Redutor
Meloidogyne javanica 1,5 FR=1: Não multiplica
Meloidogyne incognita 2,4 FR>1: Multiplicador
PratyLenchus brachyurus 1,2 SI: Sem informação

Os valores do fator de reprodução (FR) de nematoides refletem dados médios de ensaios controlados, podendo sofrer variações em função das condições de manejo, clima e pressão dos nematóides.

 

TOLERÂNCIA A HERBICIDAS

 

Tolerância a herbicidas Dose (L/ha) Fitotoxicidade
Callisto + Primóleo 0,25 + 3,0  
Nicosulfuron + atrazina 0,5 + 3,0  
Tembotriona + atrazina 0,24 + 2,0  

Liberado: <5 Sob consulta: 5 a 15% Restrição: >15%

PLANTIO DE

REFÚGIO

O plantio de refúgio estruturado é a principal ferramenta dos programas de Manejo da Resistência de Insetos (MRI), utilizada para retardar a resistência de pragas.

Saiba mais